Pesquisar este blog

Carregando...

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Olá estive um tempo afastada do blog por motivo de trabalho, agora estou de volta e com uma novidade!

Encontrei na net um blog que esta com um sorteio bem interessante quem quiser participar: Bella Bear é o nome do blog. Entre no link que esta no final da postagem. Essas são as máquinas que serão sorteadas.
http://bellabearcriacoes.blogspot.com.br/2012/10/sorteio-de-duas-maquinas-de-bordado.html?showComment=1349928689864#c3881837690792329252

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Olá pessoal ja faz um tempo que não posto. hoje estou aqui para ajudar uma mãe, que passou por momentos muito difíceis com seu filho que era viciado em drogas. Se puderem ajudem a divulgar, que Deus abençoe a todos, beijossss

EU FUI MÃE DE UM VICIADO EM CRACK

Lembro-me bem, quando nasceu meu primeiro filho!!! Era um bebezão, nasceu com mais de 4 KG.
Era um menino bom, muito espiritualizado, mas muito tímido e com baixa alta estima. Por isso, procurava por pessoas e lugares errados.
Acabou encontrando as drogas. E não foi com pessoas pobrezinhas e desamparadas, nem em um beco qualquer ou beira de linha férrea. Foi em um meio muito requintado e rico, com filhos de políticos influentes, daqui da cidade, que não sei porque o convidaram.
Assim se iniciou sua caminhada no meio das drogas e começou também minha luta!!!
“A gente nunca acha que vai acontecer conosco ou com os nossos conhecidos e amigos”.
Sou bancária aposentada, divorciada, enfrentei muitas dificuldades na vida.
Tenho 4 filhos, todos criados da mesma maneira, na retidão e honestidade. Era bastante severa, mas muito amiga, mesmo porque era pai e mãe de meus filhos.
O mais velho se envolveu com drogas, como relatei acima. A princípio maconha, depois cocaína.
Fiz de tudo que podia para tentar resgatá-lo, cheguei até a colocá-lo para fora de casa, porque minhas meninas ainda eram solteiras e poderiam ser prejudicadas. Adiantou, ele encontrou uma religião, me chamou pra fazer o curso com ele, eu fui. Ele ficou 7 anos sem drogas, bebidas e cigarro.
Enfim esta religião foi embora da cidade, e ele foi atrás dos velhos companheiros. E daí foi para o crack. Parou de trabalhar, foi um caos. Até segui-lo nas madrugadas eu fazia.
Orava sem parar, ia aos órgãos públicos a procura de ajuda, e me diziam que não poderiam fazer nada contra a vontade dele! Fui à delegacia de polícia fazer um BO, pois ele estava queimando crack dentro do guarda roupa, colocando assim nossa vida em risco. B.O. este que não registrei, porque me disseram que não podiam garantir que ele fosse internado. Procurei Advogado, Promotor, Juiz, Delegado, e nada, ninguém podia me ajudar.
A PESSOA PRECISA QUERER SE INTERNAR. Mas como, se ele se tornou incapaz, um viciado em crack, não é capaz de decidir nada em sua vida.
Foi embora seu computador, seus aparelhos eletroeletrônicos, sapatos, roupas,até seu carro.
Até minha geladeira era assaltada. Ele pegava produtos alimentícios para trocar pela pedra maldita.
Sua casa foi depenada, tiraram móveis, fios, e até pias.
O QUE É ENTÃO UMA PESSOA INCAPAZ???
Não se diz que o crack vicia na primeira usada???
NO ÚLTIMO DIA O9/01/02,MEU FILHO FOI ASSASSINADO POR UMA MÍSERA PEDRA DE CRACK. E nem eu nem os órgãos governamentais e policiais pudemos fazer NADA.
Dizem que o governo está agindo, arrumou bilhões para investir em formação profissional e clínicas de internamento.
Desfizeram a cracolândia, (que grande feito), tinham que tirar o lixo do centro, inclusive os seres humanos, que como tal não foram tratados.

Me desculpem gente, pelo desabafo, me ajudem a divulgar isso cada vez mais, este descaso pelo ser humano.

Beijos,
Jane Lopes